Twitter Facebook

Siga Cândido Nóbrega

13 SET
21h06

Homenagem e palestras marcam abertura de evento dedicado ao Tribunal do Júri


Homenagem e palestras marcam abertura de evento dedicado ao Tribunal do Júri
Mais de 120 defensores públicos de 21 Estados brasileiros participam até sexta-feira (14) do II Congresso Nacional dos Defensores Públicos do Tribunal do Júri, que acontece no Hotel Manaíra, em João Pessoa. A abertura do evento aconteceu na noite da última terça-feira e foi marcada por uma homenagem póstuma ao defensor público Paulo Celso do Vale Filho, que dedicou grande parte da sua vida profissional ao Tribunal do Júri.  
A defensora pública-geral da Paraíba, Madalena Abrantes, participou da abertura e foi responsável pela homenagem ao paraibano, falecido no último dia 19 de maio, coincidentemente a mesma data em que se comemora o Dia Nacional do Defensor Público. O filho e a viúva de Paulo Celso, Tiago e Norma do Vale, participaram da solenidade e se emocionaram com as palavras dirigidas ao defensor.
Nas falas de abertura, os organizadores destacaram os esforços de cada participante em se fazer presente, ressaltando as longas distâncias e os investimentos próprios, diante da escassez de recursos financeiros, comum às Instituições de diversos Estados.
Duas palestras foram realizadas logo após a abertura: a primeira proferida pelos defensores públicos José Celestino Tavares e Josenete Dantas, tendo como presidente da Mesa o defensor público Carlos Roberto Barbosa; e a segunda pelo defensor público do do Paraná, Bruno Pasadore, sobre Jurisdição Militar e Tribunal do Júri, tendo como presidente de Mesa o defensor público do Rio de Janeiro, Vítor Oliveira.
O evento também contou com o lançamento do livro “Defensoria Pública no Tribunal do Júri”, apresentado pelos autores, os defensores públicos Bruno Passadora e Vítor Oliveira.
Além da defensora geral Madalena Abrantes, também compuseram a mesa o presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), desembargador Joás de Britto Filho; a sub-corregedora da Defensoria Pública do Mato Grosso, Helyodora Rotine; o defensor público de Rondônia, Dayan Albuquerque; o defensor membro do Conselho Superior da Defensoria de Minas Gerais, Marco Túlio Xavier, fundador do grupo de estudos JurisBrasil; entre outros.
 

Postado às 21h, por Cândido Nóbrega


Seu comentário agora é social. Você precisa estar conectado no Facebook para postar seus comentários.

"Este blog não se responsabiliza pelas opiniões emitidas neste espaço pelos leitores e destacamos que os IPs de origem dos comentários ficam disponíveis para eventuais demandas jurídicas ou policiais".