Twitter Facebook

Siga Cândido Nóbrega

25 MAR
19h44

Creci-PB discute nesta terça-feira aumento astronômico de IPTU no município de Conde


Creci-PB discute nesta terça-feira aumento astronômico de IPTU no município de Conde

O Creci-PB realizará às 15h desta terça-feira (26) reunião no auditório de sua sede, em João Pessoa, com os corretores de imóveis, construtores e comerciantes do município de Conde, no Litoral Sul, para tratar sobre a PGV (Planta Genérica de Valores) que visa a atualização gráfica ou listagem dos genéricos de metro quadrado de terreno ou de imóvel.

Segundo o delegado do Creci-PB no município, Márcio Corrêa, a iniciativa ocorre num momento totalmente inoportuno, em que o mercado imobiliário está tentando se recuperar de uma grande crise econômica que assola já há algum tempo o País.

Novos loteamentos inviabilizados

“Recentemente, de forma obscura e sem os devidos esclarecimentos, uma Lei de Zoneamento restringiu várias áreas do nosso litoral, inviabilizando o surgimento de novos loteamentos e por conseguinte, o setor da construção civil, nosso principal parceiro”, lamentou, afirmando que não fosse a mobilização dos corretores de imóveis locais, o projeto da PGV teria sido votado pela Câmara Municipal.

Numa das ocasiões, o grupo demonstrou ao secretário e vereadores, através de cálculos e equações que apenas entre os anos de 2017 e este ano o referido tributo sofreu um reajuste de 108%, aplicado inclusive sem conhecimento do Poder Legislativo”, afirmou Márcio. Ele advertiu ainda sobre os efeitos nefastos decorrentes de aprovação da matéria, como está sendo proposta.

Aumento de até 2.500%

O valor do IPTU subirá numa escala média de 1.000%, onde o reajuste mínimo será de 300% e o máximo de inacreditável 2.500%, o que com certeza expulsará investidores e inibirá a chegada de outros ao município, como já vem ocorrendo, penalizando assim não apenas cadeira produtiva da construção e do mercado imobiliário, mas sobretudo a economia local.

 

 

Postado às 19h, por Cândido Nóbrega


Seu comentário agora é social. Você precisa estar conectado no Facebook para postar seus comentários.

"Este blog não se responsabiliza pelas opiniões emitidas neste espaço pelos leitores e destacamos que os IPs de origem dos comentários ficam disponíveis para eventuais demandas jurídicas ou policiais".