Twitter Facebook

Siga Cândido Nóbrega

09 SET
21h17

Evento marca Dia Municipal de Prevenção ao Suicídio em João Pessoa


Evento marca Dia Municipal de Prevenção ao Suicídio em João Pessoa
Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) mostram que o índice de pessoas que cometem suicídio no mundo continua elevado. É pelo menos uma pessoa a cada quatro segundos e, no Brasil, os jovens são vítimas constantes. Em João Pessoa, nesta quinta-feira, 10, um evento marca o Dia Municipal de Prevenção ao Suicídio, às 6h, no Busto de Tamandaré, em Tambaú. 
 
Munidos de fitinhas amarelas e panfletos informativos, voluntários vão conversar com a população para ajudar a difundir o número do Centro de Valorização da Vida (CVV) - 188 – que promove atendimentos de pessoas em situação de risco. “É importante falarmos do suicídio de forma aberta porque muitas pessoas sofrem sozinhas, sem atendimento adequado de profissionais especializados como psicólogos e psiquiatras”, destaca o vereador Lucas de Brito (PV), autor da ação realizada em parceria com a Secretaria Nacional da Juventude. 
 
O parlamentar é autor de duas leis que tratam da temática em João Pessoa. Uma delas, a Lei n° 13.383/17, institui, no Calendário Oficial de Eventos de João Pessoa, o Dia Municipal de Prevenção do Suicídio, sempre a ser comemorado no dia 10 de setembro. Segundo a Lei, nesta data devem ser realizadas atividades, preferencialmente com a orientação e a participação da Associação Paraibana de Psiquiatria, com o objetivo de reduzir as taxas de suicídio no Município.
 
A outra norma, a Lei n° 13.382/17, inclui, no mesmo calendário, a campanha de conscientização sobre a prevenção ao suicídio denominada ‘Setembro Amarelo’. “As campanhas são necessárias para orientar a população sobre a necessidade de debater o assunto, de promover o acesso à informação e de combater o número de casos de suicídio, porque, para nós, cada vida importa”, ressalta Lucas de Brito.

Postado às 21h, por Cândido Nóbrega


Seu comentário agora é social. Você precisa estar conectado no Facebook para postar seus comentários.

"Este blog não se responsabiliza pelas opiniões emitidas neste espaço pelos leitores e destacamos que os IPs de origem dos comentários ficam disponíveis para eventuais demandas jurídicas ou policiais".